CCS aprova nota de solidariedade aos trabalhadores da Rádio Tupi

Nesta segunda-feira (6) o Conselho de Comunicação Social do Congresso Nacional aprovou em sua 1ª reunião ordinária de 2017 uma nota em defesa dos trabalhadores da Rádio Tupi do Rio de Janeiro, em especial radialistas e jornalistas. A manifestação foi proposta pelo conselheiro representante da categoria e secretário de imprensa da Fitert, Nascimento Silva.

A situação dos trabalhadores da Tupi é inaceitável. Até o momento, a rádio se encontra com atraso de seis meses de salários, dois décimos terceiros (2015 e 2016) e não recolhendo INSS e FGTS. Por isso a assembleia do último dia 2 decidiu por manter a greve, deflagrada em 24 de dezembro.

O trecho final da carta ressalta que “ao se solidarizar com os trabalhadores, o Conselho chama a atenção da sociedade brasileira para a importância do rádio, a necessidade de administrações responsáveis e o respeito aos direitos dos trabalhadores que, nesse caso, é o direito elementar de ser remunerado pela sua força de trabalho”.

A Fitert reforça seu posicionamento de exigir que a empresa se disponha a verdadeiramente solucionar o problema pagando aos trabalhadores aquilo que lhes é devido.

Confira a carta na íntegra aqui.
Fonte: Da redação.

Fotos: Roque Sá/Agência Senado

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA