Noruega inicia processo de desligamento completo da frequência FM de rádio

Na quarta-feira (11), a Noruega foi o primeiro país do mundo a tirar do ar o sinal FM. O desligamento começou na cidade mais ao norte do país, Bodø, perto do Círculo Polar Ártico, e teve cobertura ao vivo da televisão norueguesa.

Segundo informações do governo, atualmente já são 22 estações nacionais de rádio digital, ainda há espaço para outras 20 e restam apenas 5 estações FM. Agora o processo de desligamento será realizado de região por região, sem cortes repentinos de sinal.

Para o ministério da Cultura norueguês a transição é bastante favorável e estima-se que a digitalização das emissoras nacionais gerará uma economia anual de cerca de US$ 25 milhões (aproximadamente R$ 80 milhões).

Situação da rádio digital no Brasil

Aqui em terras brasileiras ainda não foi estabelecido um padrão a ser adotado, mas os testes estão sendo feitos pelo Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações há alguns anos, onde algumas emissoras brasileiras já transmitem em caráter experimental programação com a nova tecnologia, seja na tecnologia HD Rádio ou DRM.

A Fitert acredita que a digitalização do rádio no país precisa garantir maior qualidade de áudio, acesso universal às possibilidades colocadas pelo ambiente de convergência tecnológica, custo baixo para a aquisição de aparelhos pela população e integração de linguagens em todas as frequências para melhor uso do espectro e atendimento à sociedade.

Além de tudo isso, deve haver também considerações sobre os riscos que a digitalização pode trazer aos radialistas, como o desemprego, a falta de uma política de qualificação dos profissionais que já atuam no mercado para operar os novos equipamentos e desvios de função.

Fonte: Da redação, com informações da BBC.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CAPTCHA